Pequei contra o Espírito Santo. Estou condenado?

03/02/2021

Uma dúvida que aterroriza muita gente parte do versículo 31 de Mateus 12, onde Jesus disse: "Todo o pecado e blasfêmia se perdoará aos homens; mas a blasfêmia contra o Espírito não será perdoada aos homens." Isto é, quem peca contra o Espírito Santo jamais receberá novamente a chance da misericórdia divina? Está sentenciado à morte eterna?

Calma. Respira. Primeiro, precisamos entender a obra do Espírito Santo, o contexto em que Cristo disse essa frase e, por fim, o que é exatamente o pecado contra o Espírito Santo.

O principal papel da Terceira Pessoa da Divindade, o Espírito Santo, é descrito em João 16:8, como o de nos convencer do pecado, da justiça e do juízo. Isto é, naturalmente, após a entrada do pecado, somos inclinados às paixões da carne e aos caminhos tortuosos da vida (Rm. 7:19) e, de modo obviamente sobrenatural e puro, o Espírito Santo é conhecido como "aquela voz do bem" sobre a qual muitos pais orientam os filhos pequenos a darem ouvidos.

E foi precisamente o contrário disso que ocorreu com os homens que estavam no cenário onde Cristo proferiu as palavras sobre a blasfêmia contra o Espírito Santo. Eles pecavam contra o Senhor deliberadamente, dizendo que o poder que nEle havia para operar maravilhas, como a expulsão de demônios, lhe era dado por Satanás.

Não foi uma, nem duas vezes que aqueles homens rejeitaram a voz do Espírito Santo. Seu coração foi endurecido pela prática de uma vida inteira, onde o Espírito Santo Se aproximava para lhes convencer e guiar em toda a justiça e eles se afastavam da verdade, preferindo se atentarem apenas àquilo que era inculcado como resposta pela própria tradição religiosa. Escondiam-se da face do Espírito Santo, e Ele assim os respeitava, pois Deus é Deus de amor e liberdade.

Portanto, o pecado contra o Espírito Santo não é um ato isolado na vida de alguém que, em dado momento, decidiu apontar o dedo para o Céu e "deserdar-se" como filho de Deus e insultar a Pessoa do Espírito Santo. Deus conhece as bagagens que cada um leva, como o modo que foi criado, seus traumas, dores e preocupações. Ele sabe que, por vezes, nos extremos da vida, muitos O negam ou se revoltam contra os Seus caminhos. No entanto, assim como Adão e Eva pecaram e fugiram da presença do Senhor e Ele os procurou (Gn. 3:9), assim também Ele continua procurando por todos aqueles que também tentam o impossível, que é fugir da presença do Altíssimo (Sl. 139:7,8).

Se você reconhece hoje que está em pecado é porque o Espírito Santo ainda continua alcançando o seu coração e o convenceu de que o caminho de Deus fica no sentido contrário. É momento de se arrepender, se confessar ao Senhor, e recomeçar com Ele (At. 3:19; 1 Jo. 1:9). Sobretudo, a Palavra do Senhor é clara no Seu objetivo de salvar: "Portanto, como diz o Espírito Santo: Se ouvirdes hoje a sua voz, não endureçais os vossos corações." Hebreus 3:7,8.

Diante desta resposta bíblica, podemos afirmar que o único pecado que não pode ser perdoado é aquele sobre o qual não pedimos perdão. "Ora, se vós, apesar de serdes maus, sabeis dar o que é bom aos vossos filhos, quanto mais o Pai que está nos céus dará o Espírito Santo àqueles que lho pedirem!" (Lc. 11:13) Peça, receba o perdão de Deus e glorifique o Espírito Santo em sua vida. E assim, se confirmará a Palavra que diz: "Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito" (Rm. 8:1 ).

Esta mensagem esclareceu suas dúvidas? Você sentiu Deus falar ao seu coração? Certamente, muitas outras revelações a Bíblia lhe dará! Você aceita esse presente? Então, clique agora no botão abaixo: