Os mortos estão conscientes?

05/02/2021

De maneira brutal e impiedosa, a morte continua ceifando a vida de inúmeras pessoas amadas por nós. Obviamente, este assunto é delicado, porque envolve mais do que razão, uma variedade de sentimentos, lembranças que perduram ao longo de anos. No entanto, a Bíblia, que é a verdade pode nos esclarecer sobre o estado dos mortos e, não só isso, mas também nos dar o real conforto e a devida esperança que tanto buscamos. Que tal descobrirmos, agora, essa resposta?

Há quem diga que quando o indivíduo morre ele vai direto para o Céu e de lá nos assiste e "zela" por nós. Outros podem imaginar que, tratando-se de pecador, precisa passar por alguns estágios antes de alcançar a perfeição e aí sim entrar pelos portais eternos. Mas, todos os seres humanos que morreram da queda do homem até hoje, estão vivos e conscientes?

Jesus também sofreu a dor da perda. Passou por isso na vida terrestre quando seu amigo Lázaro faleceu. De acordo com Cristo, antes de ressuscitá-lo, Ele afirmou em João 11:11-14 que despertaria Lázaro do sono da morte. Então, em primeiro lugar, devemos entender que, se Jesus chamou Seu amigo de volta à vida e comparou a morte como um sono é porque Lázaro não estava no céu nem supostamente em "outra dimensão", do contrário seria trágico trazê-lo de volta a este mundo caído. Quem deita e dorme não sabe o que ocorre ao seu redor. Todavia, a Bíblia continua nos esclarecendo sobre o tema quando diz em Eclesiastes 9:5 que "os vivos sabem que morrerão, mas os mortos nada sabem."

Logo, se os mortos nada sabem, eles não estão em lugar algum além da sepultura. E o próprio versículo citado por último completa dizendo que "a memória deles é entregue ao esquecimento".

Muitos podem questionar: Como pode um Deus de amor Se esquecer dos queridos que já se foram? Ele não Se entregou no madeiro para redimi-los também? Claro que sim! E isso é tão verdade que as palavras do apóstolo Paulo podem, hoje, colocar definitivamente todos os pingos nos i's, pois ele afirma em 1 Tessalonicenses 4:13-18 que não devemos ser ignorantes em relação aos que dormem no Senhor; que se Jesus morreu e ressuscitou também tem poder para operar o milagre da ressurreição de todo e qualquer ser humano; que a ressurreição dos salvos ocorrerá no dia do Seu retorno; que esse deve ser o verdadeiro consolo praticado entre todos os que esperam e se preparam para o cumprimento da Sua promessa.

Desde o Jardim do Éden, Satanás tenta enganar os filhos do Criador, dizendo que podemos proceder como bem quisermos que "é certo que não morreremos" (Gn. 3:4). E, após milênios, ainda mantém o mesmo discurso.

A Bíblia é clara em apresentar a ressurreição dos salvos no grande dia da volta de Cristo. Portanto, não faz sentido algum que eles já estejam com Ele no Céu.

"Ninguém vira uma estrela e brilha na imensidão", mas sim, figurativamente, na memória daqueles que ficaram. Os mortos dormem o sono da morte. O ser humano foi formado do pó e ao pó retornará (Gn.2:7, Ec. 12:7). Paulo também revelou que, no grande retorno de Jesus, os vivos serão transformados e se encontrarão com o Senhor nos ares, enquanto ao soar das trombetas de milhares de anjos, os mortos em Cristo ressuscitarão.

Esse será o dia mais lindo e aguardado! Para os que dormem, apenas um abrir e fechar de olhos (1 Co. 15:51), independentemente do período que tiver passado.

A vida de quem desceu às sepulturas já foi selada para a vida eterna ou para a segunda morte. A de quem fica ainda pode ser mudada a partir de novas escolhas.

Que tal decidir, hoje, viver uma nova vida em Cristo e conhecer mais sobre este e outros ensinamentos? Clique no botão abaixo e comece um estudo bíblico totalmente online e gratuito. Que Deus derrame sobre a sua vida bênçãos sem medida!

Esta mensagem esclareceu suas dúvidas? Você sentiu Deus falar ao seu coração? Certamente, muitas outras revelações a Bíblia lhe dará! Você aceita esse presente? Então, clique agora no botão abaixo: