Deus constitui todas as autoridades? Até as corruptas?

11/02/2021

A realidade da corrupção nos meios públicos é inegável e assola não somente o Brasil como o mundo todo. Em um relatório de 2020 publicado pelo portal Transparência Internacional, o Brasil somou apenas 38 pontos em uma escala que vai até 100, sendo 100 altamente integro e 0 altamente corrupto. A lista com 180 países apresenta o Brasil na posição 94, o que significa que existem outros 86 países em condições piores do que a brasileira quando o assunto é corrupção.

Diante deste panorama, você pode se questionar. Será que Deus estabelece todos os líderes? Inclusive os milhares de líderes corruptos que o mundo conhece e conheceu ao longo da história? Devem os cristãos submissão a algum governo corrupto?

Esses questionamentos surgem e são respondidos, em boa parte, a partir da leitura de Romanos 13:1-7. Nesses versos Paulo explica que as autoridades são instituídas por Deus. E que sim, os cristãos devem submeter-se a estas autoridades. Porém, o que o texto nos explica é que a autoridade para governar procede de Deus, mas, não necessariamente o governante. Oseias 8:4 falando sobre Israel diz que, "Eles instituíram reis sem o meu consentimento; escolheram líderes sem a minha aprovação. [...]" A autoridade para governar era instituída por Deus, porém os nomes escolhidos por Israel não estavam de acordo com a vontade de Deus. Simplesmente não podemos culpar Deus por nossas escolhas, menos ainda pelas consequências que decorrem delas.

Paulo ainda vai incentivar que os cristãos orem pelas autoridades ao dizer: "[...] recomendo que se façam súplicas, orações, intercessões e ações de graças por todos os homens; pelos reis e por todos os que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida tranquila e pacífica, com toda a piedade e dignidade." (2 Tim. 2:1, 2) Argumento semelhante foi utilizado em Romanos 13. As autoridades foram estabelecidas para promover ordem, são neste sentido "ministros de Deus para o bem".

Então devemos nos submeter sempre e indistintamente as autoridades? O texto de Atos 5:29 nos mostra que não é bem assim, quando Pedro e os apóstolos dizem que: "[...] Antes, importa obedecer a Deus do que aos homens." (Atos 5:29) Quando os ordenamentos humanos entram em conflito com a vontade de Deus, a nossa resposta deve ser a mesma de Pedro e dos apóstolos. Foi assim quando os amigos de Daniel decidiram não se dobrar diante da estátua de Nabucodonosor, desobedecendo à ordem do rei (Daniel 3).

Portanto, as autoridades são divinamente instituídas, porém, isso não quer dizer que Deus escolhe os maus para governar. Devemos respeito às autoridades, mesmo que a pessoa que exerce essa autoridade não se apresente digna deste respeito. Devemos orar pelos governantes e viver uma vida civil integra e de acordo com as leis estabelecidas. Desde que estas leis não entrem em conflito com a vontade de Deus. Nestes casos a obediência a Deus vem em primeiro lugar, mesmo que se tenha que enfrentar consequências.

Autor Parceiro: Pr. Wagner Oliveira

Esta mensagem esclareceu suas dúvidas? Você sentiu Deus falar ao seu coração? Certamente, muitas outras revelações a Bíblia lhe dará! Você aceita esse presente? Então, clique agora no botão abaixo: