A natureza é Deus?

11/03/2021

É comum nos meios de comunicação as expressões: "a natureza criou" , "a natureza desenvolveu", "a natureza evoluiu", etc. Tais termos demonstram que a intenção é negar o que a Bíblia fala sobre o assunto e atribuir à natureza características divinas. Teriam os elementos existentes realmente vida independente de um Criador?

O Salmo 95 diz que "Seu é o mar, pois Ele o fez, e as Suas mãos formaram a terra seca." As coisas da natureza são uma expressão do caráter e do poder de Deus, não devemos, porém, considera-la como Deus. A habilidade artística das criaturas humanas produz obras muito belas, e essas coisas nos revelam muito de seu autor. A obra feita não é, no entanto, seu autor. Não é a obra, mas o Obreiro que é considerado digno de honra. Assim, ao passo que a natureza é uma expressão do pensamento de Deus, não é a natureza, mas o Deus da natureza que deve ser exaltado. A obra da criação não pode ser explicada pela ciência. Que ciência pode explicar o mistério da vida?

"Pela fé entendemos que os mundos, pela palavra de Deus, foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente" Hebreus 11:13.

Na criação da Terra, Deus não dependeu de matéria pré existente. "Falou e tudo se fez, mandou, e logo tudo apareceu" Salmo 33:9. Todas as coisas, materiais ou espirituais, apareceram diante do Senhor Jeová à Sua palavra, e foram criadas para Seu próprio desígnio. Tudo veio à existência pelo sopro de Sua boca.

Deus está continuamente ocupado em manter e empregar como servos as coisas que criou. Opera por meio das leis da natureza, delas Se servindo como instrumentos Seus. Elas não agem por si mesmas. A natureza, em sua obra, testifica da presença inteligente e da atividade de um Ser que opera em tudo segundo a Sua vontade (Salmo 119:89-91).

Autor Parceiro: Rogerio Vieira

Esta mensagem esclareceu suas dúvidas? Você sentiu Deus falar ao seu coração? Certamente, muitas outras revelações a Bíblia lhe dará! Você aceita esse presente? Então, clique agora no botão abaixo: